TJMA adquire 300 novos livros para acervo da Bibblioteca da ESMAM

A escola judicial passa a contar com aproximadamente 2.040 publicações e periódicos
07/01/2022
Ascom ESMAM

Com o objetivo de manter cada vez mais atualizada a Biblioteca Madalena Serejo, da Escola Superior da Magistratura (ESMAM), o Tribunal de Justiça do Maranhão (TJMA) adquiriu 300 novos títulos para compor o acervo bibliográfico da entidade, que passa a contar com aproximadamente 2.040 publicações. As novas obras estão disponíveis para consulta e empréstimo e contemplam as áreas das Ciências Jurídicas, Exatas, Humanas, Saúde e Ciências Sociais Aplicadas, com atualizações que contribuem diretamente para a formação de magistrados(as) e servidores(as) do Judiciário. O investimento inicial equivale a R$ 22.038,33.

Também foram adquiridos títulos acadêmicos na área de Metodologia da Pesquisa, Literatura e com temáticas antidiscriminatórias, contemplando a bibliodiversidade e o contexto multidisciplinar. As obras estão em processos de catalogação e são disponibilizadas sistematicamente para empréstimos e consultas no SIABI – sistema de gerenciamento do acervo. 

A previsão da direção da ESMAM é que mais obras digitais sejam acrescentadas à coleção, permitindo o alcance simultâneo de múltiplos usuários a um mesmo título, com acesso remoto, on-line e off-line em qualquer lugar e horário. "A ampliação do acervo faz parte da agenda institucional e a aquisição dos livros, neste momento, representa um incremento muito importante para a biblioteca, tanto na ampliação do volume, como na sua diversidade de temas e formas de acesso", diz o diretor, desembargador José Jorge Figueiredo dos Anjos.

A bibliotecária Manoelle Santos explica que, por ser uma biblioteca especializada, o projeto de aquisição conscentrou-se mais nas áreas das ciências do Direito, Sociologia, Economia, Educação, Tecnologia e suas contextualizações. "Porém, o acervo é variado e contribui consideravelmente no processo formativo do nosso público-alvo, ainda mais agora, com a ampliação do Programa de Pós-Graduação e Pesquisa”, avalia.

SERVIÇO

O serviço de consulta e empréstimo dos materiais funciona de segunda a sexta-feira, das 9h às 14h, obedecendo as recomendações higiênico-sanitárias dos órgãos competentes e instituições internacionais e nacionais da área da informação.

A equipe da Biblioteca também atende solicitações de pesquisa e esclarecimentos de dúvidas pelo e-mail bibliotecaesmam@tjma.jus.br.

PARA CONSUTLAR O ACERVO, CLIQUE AQUI

SELEÇÃO DAS OBRAS

A seleção das obras foi feita a partir de indicações dos juízes (as) e profissionais das diversas áreas do Judiciário maranhense. “O objetivo é eleger livros que atendam ao interesse de pesquisa e estudos dessa comunidade, prevendo também um incremento no número de atendimento, consultas e acessos à nossa Biblioteca, com facilidade e rapidez”, explica a bibliotecária Manoele dos Santos, responsável pelo gerenciamento do acervo.

O acesso à informação é uma questão transversal que apoia todas as áreas de desenvolvimento institucional. “Nesse intuito a equipe da biblioteca realizou uma atividade de curadoria de conteúdos primando pela diversidade e pluralidade, fortalecendo a biblioteca enquanto bem coletivo, inclusivo e promotor da cidadania”, complementa a bibliotecária Joseane Cantanhede.

PROJETO

Para ampliar a divulgação das novas obras adquiridas, explorando o alcance das redes sociais e mídias digitais da escola, a ESMAM lançou o projeto “Biblioteca nas Mídias“. A iniciativa visa apresentar novidades do acervo (Nossa Estante), informações com foco na produção acadêmica (Ponto Acadêmico), temática literária, conteúdo de fomento à leitura (Trecho Literário) e destaques do acervo maranhense (Acervo Maranhense).

A primeira divulgação da série é dedicada à obra “Coronavírus e responsabilidade civil: impactos contratuais e extracontratuais” (Ed. Foco, 2020), coordenada por Carlos Edison do Rêgo Monteiro Filho, Nelson Rosenvald e Roberta Densa. O livro está disponível para empréstimo na Biblioteca Madalena Serejo.

 

PROJETO NOSSA ESTANTE

 

FÁCIL ACESSO

Para a servidora, Juliana Santana da Silva, da 1ª Vara Criminal de Timon, mestranda em Direito e Gestão de Conflitos, a utilização do acervo da Biblioteca da ESMAM tem sido essencial nas suas atividades de pesquisa científica e também dos cursos de capacitação ofertados pela escola judicial. “A facilidade de acesso às obras disponíveis garante que as minhas produções acadêmicas e de aperfeiçoamento profissional se desenvolvam de forma muito mais consistente”, acrescenta.

O sargento da Polícia Militar, Rodrigo Nascimento, que atua na segurança institucional da ESMAM, também é usuário da biblioteca e, como leitor assíduo, diz que é um privilégio ter acesso a tantas obras valiosas. “Na minha profissão é importante ficar atualizado. A leitura é uma porta para promover crescimento, imaginação e até diversão. Ter acesso a uma biblioteca é no mínimo uma experiência desafiadora e prazerosa”, conclui.

 

(esmam@tjma.jus.br)

Facebook - @esmam.tjma

Instagram - esmam_tjma

GALERIA DE FOTOS