Tribunal do Júri julga três casos de homicídio em Balsas

CRIMES CONTRA A VIDA
17/09/2021
ASSCOM CGJMA

O Poder Judiciário de Balsas realizou sessões do Tribunal do Júri nos dias 14, 15 e 16 de setembro. O juiz Douglas Lima da Guia, titular da 4ª vara da Comarca de Balsas, presidiu os julgamentos de três crimes de homicídio, em três dias de sessão, realizadas no plenário “Desembargadora Maria Dulce Soares Clementino”. O promotor Tiago Carvalho Rohrr autou pela 5ª Promotoria de Justiça.

Durante as sessões, foram seguidas as normas das autoridades de saúde quanto às medidas de prevenção contra o contágio por coronavírus. Todos os membros do Conselho de Sentença, profissionais do Direito e demais participantes utilizaram máscaras, e higienizaram as mãos com álcool.

HOMICÍDIO

Em 14 de setembro, os réus Franklin Warley Sousa Martins e Lucas André Moura Miranda foram inocentados do crime de homicídio contra Adão Carvalho de Andrade. O crime aconteceu no dia 10 de maio de 2019, quando Franklin Warley, contando com o auxílio do pronunciado Lucas André, efetuaram três disparos contra a vítima Adão Carvalho, dos quais dois a atingiram.

O Conselho de Sentença reconheceu, por maioria, a autoria e materialidade do fato em relação ao réu Franklin Warley, e não reconheceu a autoria em relação ao réu Lucas André. O réu Franklin Warley Sousa Martins foi absolvido da acusação feita pelo Ministério Público, razão pela qual foi julgada improcedente a pretensão punitiva.

No dia 15 de setembro, o réu José Ernandi de Sousa Ramos foi julgado e condenado a 15 anos, sete meses e 26 dias de reclusão, pelo homicídio de João da Cruz Silva dos Santos Neto. O crime ocorreu no dia 03 de agosto de 2019, após o réu ter efetuado disparos contra a vítima.

Na sessão de 16 de setembro, o réu Reinaldo Alves Dos Santos Filho foi condenado a cinco anos, sete meses e 15 dias de reclusão, pelo crime de homicídio contra Francisco Pereira da Silva, ocorrido em 15 de outubro de 2020, na cidade de Fortaleza dos Nogueiras, quando a vítima foi atingida por três golpes de canivete, que resultaram em sua morte.

Assessoria de Comunicação
Corregedoria Geral da Justiça
asscom_cgj@tjma.jus.br

GALERIA DE FOTOS

Corregedoria

ÚLTIMAS NOTÍCIAS ver mais


NOTÍCIAS RELACIONADAS