Formação da ESMAM discutirá a política de tratamento de conflitos no TJMA

INSCRIÇÕES ABERTAS PARA SERVIDORES E SERVIDORAS DO JUDICIÁRIO ATÉ 9 DE JULHO
05/07/2021
Ascom ESMAM

O papel do Judiciário na implementação de políticas públicas de acesso à justiça será analisado no curso Gestão de Política Pública: a experiência da política de tratamento adequado de conflitos no TJMA. As inscrições estão abertas, até 9 de julho, no sistema acadêmico Tutor.

FAÇA SUA INSCRIÇÃO AQUI

A formação destinada aos servidores(as) do Judiciário será realizada na plataforma de Educação a Distância da Escola Superior da Magistratura do Maranhão (EAD-ESMAM), de 15 de julho a 8 de agosto (30 horas), com parte das aulas síncronas (ao vivo), sob a tutoria do juiz Alexandre Lopes de Abreu.

As aulas on-line ocorrerão nos dias 19 e 26 de julho, e 2 de agosto, das 15h às 18h, sendo obrigatória a participação dos inscritos para fins de certificação. As demais atividades estarão disponíveis no ambiente virtual de aprendizagem durante todo o período da formação.

PROPOSTA FORMATIVA

Entre os objetivos do curso, credenciado pela Escola Nacional de Formação e Aperfeiçoamento da Magistratura (Enfam), estão o conhecimento de modelos aplicados para implementação de políticas públicas judiciárias setoriais, com ênfase nas práticas de prevenção e métodos de solução adequada de conflitos.

A proposta formativa, formulada no contexto das ações vivenciadas pelo Núcleo Permanente de Métodos Consensuais de Solução de Conflitos do Tribunal de Justiça do Maranhão (NUPEMEC-TJMA), contempla a aplicação de recursos humanos, tecnológicos e financeiros disponíveis, além da formação de parcerias para o desenvolvimento eficiente das ações de mediação e conciliação.

O TUTOR

Alexandre Lopes de Abreu é juiz do TJMA, coordenador do NUPEMEC, presidente do Fórum Nacional de Mediação e Conciliação (FONAMEC 2018-2020), instrutor com formação pela Escola Superior da Magistratura do Maranhão, com especialização em Direito Civil, Direito Processual Civil e Direito Constitucional e MBA em Poder Judiciário.

ATENÇÃO! Em caso de desistência, o(a) servidor(a) deverá informar à Secretaria Geral da ESMAM, em até 72 horas úteis antes do início do curso, nos termos da Instrução Normativa ESMAM nº 04/2016. Após esse prazo, os pedidos de desistência somente serão aceitos mediante justificativa a ser encaminhada à direção da escola.

 

esmam@tjma.jus.br

Facebook - @esmam.tjma

Instagram - esmam_tjma

GALERIA DE FOTOS