Poder Judiciário/Escola da Magistratura/Mídias/Notícias

Curso abordará sobre discriminação e preconceito no Direito das Famílias

O objetivo é aprimorar o julgamento de ações que envolvem diferentes formas de relação familiar e conjugal

03/06/2024
Ascom ESMAM

As diferentes dinâmicas conjugais e familiares que se apresentam na atualidade e influenciam na forma de tratar as questões judiciais são o foco do curso Diversidade, Discriminação e Preconceito no Campo das Famílias. Promovido pela Escola Superior de Magistratura do Maranhão (ESMAM), na modalidade educação a distância, as inscrições para magistrados e magistradas estão abertas no sistema acadêmico Tutor, de 3 a 9 de junho. As aulas assíncronas acontecem de 17 de junho a 9 de julho, na plataforma EAD ESMAM (30 horas-aula).

Credenciada pela Escola Nacional de Formação e Aperfeiçoamento de Magistrados (Enfam), a formação traz abordagem com a perspectiva de novos conceitos e institutos, além da correlação das normas jurídicas e procedimentos processuais. O objetivo é contribuir para o aprimoramento das decisões, sob a ótica da solução dos conflitos oriundos da judicialização das diferentes formas de constituição de uma relação familiar e conjugal, evitando preconceitos e discriminação quanto às formas de configuração das famílias e das relações amorosas.

Dividida em três módulos, a formação vai abordar as discriminações e preconceitos que possam estar presentes nos conflitos de interesse da infância e juventude, das mulheres, dos idosos e da população LGBTQIA+. O curso está alinhado com as orientações do Conselho Nacional de Justiça para formação de magistradas e magistrados quanto a temas de infância e juventude, violência contra a mulher e de gênero, direitos humanos e todos os tipos de discriminação.

Faça sua inscrição AQUI – 40 vagas.
 
CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

UNIDADE/MÓDULO I 

DIVERSIDADE: CAMPO PRODUTOR DE PRECONCEITOS OU LIBERTADOR DE SUBJETIVIDADES?

1. Discriminação e preconceito: conceitos gerais
2. Preconceito implícito
3. A ameaça dos estereótipos
4. O papel das tecnologias de gênero
5. Preconceitos como expressão de violência
6. O Direito da antidiscriminação
 
UNIDADE/MÓDULO II 

ESTEREÓTIPOS E PARENTALIDADE

1.    Família e Familismo: uma questão de direitos humanos
2.    Estereótipos de gênero na parentalidade
3.    Os desafios da Multiparentalidade e das relações de Padrastio/Madrastio
4.    Trabalho reprodutivo, alimentos e divórcio
5.    Família bichológica – existe pai de pet?
6.    Disciplina Positiva como instrumento de prevenção à violação de direitos da criança e do adolescente
 
UNIDADE/MÓDULO III 

ESTEREÓTIPOS NAS RELAÇÕES CONJUGAIS / AMOROSAS

1. Famílias simultâneas
2. Famílias poliafetivas
3. Famílias adulterinas
4. Etarismo e conjugalidade
5. Capacitismo e conjugalidade
6. Uma proposta de educação conjugal

SOBRE A TUTORA

Bruna Barbieri Waquim - É doutora em Direito, mestre em Direito e Instituições do Sistema de Justiça. Especialista em Direito Civil e Processo Civil e em Direito de Família e Sucessões. É Assessora Jurídica no TJMA, formadora e tutora da ESMAM e educadora parental pela PDA Brasil. É vice-presidente do IBDFAM-MA e autora dos livros Relações Simultâneas Conjugais: o Lugar da Outra no Direito de Família, Alienação Familiar Induzida: aprofundando o estudo da alienação parental e da coleção Alienação Parental na Perspectiva dos Direitos da Criança e do Adolescente: impactos no Judiciário e nas políticas públicas. 

 

Núcleo de Comunicação da ESMAM
E-mail: asscom_esmam@tjma.jus.br
Instagram/Threads: @esmam_tjma
Facebook: @esmam.tjma
Fone: (98) 2055 2820

GALERIA DE FOTOS