Saúde no Judiciário aborda prevenção ao suicídio

A psicóloga Ingrid Rodrigues e o psiquiatra Luiz Eduardo Cavalcanti conversam sobre o tema que causa a morte de mais de dez mil pessoas por ano no Brasil
20/09/2021
Ascom TJMA

Em pleno “Setembro Amarelo”, mês da campanha mundial de prevenção ao suicídio, a psicóloga Ingrid Rodrigues e o psiquiatra Luiz Eduardo Cavalcanti, ambos da Divisão Médica do Tribunal de Justiça do Maranhão, conversam sobre o tema e tentam desmistificar supostas verdades que são disseminadas ao longo dos tempos, no vídeo desta semana da campanha Saúde no Judiciário. O psiquiatra alerta que são mais de dez mil suicídios por ano no Brasil, sendo que de 50% a 60% das pessoas que tentam cometer o ato, nem sequer tiveram acesso a uma consulta com um especialista.

O vídeo, uma iniciativa da Diretoria de Recursos Humanos, por meio das divisões Médica e Psicossocial do TJMA, traz um diálogo entre os profissionais, com esclarecimentos de dúvidas, estigmas, depressão, transtornos, orientações, derrubando tabus e gerando uma discussão sobre o assunto, considerado ainda muito desassistido, na opinião do psiquiatra. Luiz Eduardo relata que cerca de 17% das pessoas podem apresentar alguma ação suicida ao longo da vida, 5% tentam elaborar algum plano e 3% tentam o suicídio. Se você faz parte ou conhece alguém que pode estar incluído nessas estatísticas, assista abaixo ao vídeo que pode ajudar na prevenção e orientação.

Este ano, o TJMA promove a campanha Setembro Amarelo “Sua Vida Importa”, com o objetivo de chamar atenção à problemática, buscar a redução de casos e conscientizar a população sobre a prevenção e a busca de ajuda quanto à saúde mental no âmbito do Poder Judiciário do Maranhão.

SUGESTÕES

Escreva para o e-mail divmedica@tjma.jus.br e peça para que seja abordado um tema da sua preferência. Os vídeos ficam disponíveis nas redes sociais oficiais do TJMA (tjmaoficial) no Instagram, Twitter, YouTube e Facebook.

Setembro Amarelo

Agência TJMA de Notícias
asscom@tjma.jus.br

GALERIA DE FOTOS