Poder Judiciário/Mídias/Notícias

Judiciário e SENAI firmam parceria para capacitar adolescentes em cumprimento de medidas socioeducativas

O objetivo é que, com a qualificação profissional adquirida, esses adolescentes possam ingressar no mercado de trabalho como jovens aprendizes, alcançando dignidade e cidadania plena

19/06/2024
ASSCOM CGJ

O Judiciário maranhense, por meio da Vara da Infância de Timon, discutiu a implementação de cursos de capacitação profissional para adolescentes em cumprimento de medidas socioeducativas. O objetivo é que, com a qualificação profissional adquirida, esses adolescentes possam ingressar no mercado de trabalho como jovens aprendizes, alcançando dignidade e cidadania plena.

Após o diálogo entre o presidente do Conselho Deliberativo Estadual do Sebrae Maranhão e vice-presidente executivo da Federação das Indústrias do Estado do Maranhão (FIEMA), engenheiro civil Celso Gonçalo de Sousa, e o juiz Simeão Pereira e Silva, titular da Vara da Infância e Juventude da comarca de Timon, o magistrado se reuniu na segunda-feira (17/6) com o administrador Adilson Reis Pinto de Sousa, gerente do SESI/SENAI, Regional de Caxias-MA, acompanhado de sua equipe técnica para  foi discutir a parceria entre a Vara da Infância e Juventude e o SENAI, por meio da unidade de Timon, para oferecer cursos de capacitação profissional aos adolescentes em cumprimento de medidas socioeducativas de semiliberdade e de liberdade assistida.

Além disso, os cursos poderão contemplar adolescentes em acolhimento institucional no Lar da Criança Promotora de Justiça Elda Maria Alves Moureira, especialmente aqueles próximos da maioridade e com poucas perspectivas de adoção.

Estiveram presentes na reunião os secretários municipais de Desenvolvimento Social, Marcus Vinícius Cabra, e de Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Turismo, Lívio Stefano Monteiro de Sousa; além dos diretores do Centro Socioeducativo de Semiliberdade de Timon, Naiara Cunha; do Centro Socioeducativo de Internação Provisória da Região dos Cocais, Lívio Barros; da coordenadora do Lar da Criança promotora de justiça Elda Maria Alves Moureira, Leila Cunha; e a coordenadora do CREAS, Jaciane Guedes.

Assessoria de Comunicação

Corregedoria Geral da Justiça

asscom_cgj@tjma.jus.br

GALERIA DE FOTOS