DORES DE CABEÇA

DORES DE CABEÇA

André Luiz Neves Pereira – Analista Judiciário – Médico Clinico Geral e Neurologista


 

QUAL A DIFERENÇA ENTRE DOR DE CABEÇA, CEFALÉIA E ENXAQUECA

Cefaleia é um termo que a medicina usa para chamar a dor de cabeça. Tem sua origem do grego, onde KEPHALOS significa “cabeça”, e ALGOS significa “dor”. Assim, cefalalgia, ou cefaléia, indicam a presença de dor de cabeça. Não importado a causa.

Já a Enxaqueca é um transtorno neurológico que causa vários sintomas, e um dos principais sintomas da enxaqueca é a dor de cabeça ou cefaleia. No entanto, há crises de enxaqueca que podem acontecer sem dor. Os outros sintomas seriam tonturas, náuseas, alterações na visão (luzes ou pontos pretos), dormências.

QUANDO DEVO ME PREOCUPAR COM UMA DOR DE CABEÇA

Quando ela vier acompanhada dos chamados sinais de alarme. Os sinais de alarme seriam febre, desmaio, pressão muito alta (maior que 17 por 10), convulsões, paralisias, intensidade exagerada (a pior dor da sua vida) ou uma dor forte que não seja comum e que não passa.

O QUE DEVO FAZER NO CASO DE TER UMA DOR DE CABEÇA

No caso de uma crise de dor de cabeça, a pessoa acometida pode e deve tomar uma medicação analgésica a qual esteja acostumado, tendo o cuidado de tomar o analgésico nos horários recomendados até que ocorra a melhora total.

Caso a dor se repita com frequência ou não melhore, deve-se procurar um médico, de preferência um neurologista que é o especialista em estudar o caso.

O caso de existir algum sinal de alarme, deve-se procurar uma emergência hospitalar. Isto para que se afaste a possibilidade de se tratar de um AVC, de uma Infecção neurológica como a Meningite. Afastar a possibilidade de Sinusites, de Aneurismas, Epilepsias, Tromboses venosas cerebrais ou outros Tumores cerebrais ou cranianos, entre outras. Para cada caso há exames necessários para confirmação e que podem ser necessários, e o tratamento vai depender da causa.

QUAIS OS ANALGÉSICOS MAIS COMUNS QUE POSSO USAR ?

Podem-se usar medicamentos com o princípio ativo da Dipirona, Paracetamol ou Diclofenaco, desde que você não tenha história de alergia a qualquer um destes. Caso não tenha melhora ou as crises se repitam, um especialista deverá ser consultado.

QUAIS OS MAIORES ENGANOS DAS PESSOAS COM DOR DE CABEÇA

Achar que toda dor de cabeça é sinal de pressão alta e tomar medicação para pressão ( a maior parte das pessoas com pressão alta não tem dor, a não ser nas crises de pressão muito altas)

Achar que basta um comprimido para resolver (deve-se tomar mais de uma dose, obedecendo ao horário de cada medicamento, devendo procurar uma emergência se não houver melhora ou se houver sinais de alarme)

Não procurar a emergência em caso de algum sinal de alarme estar presente.


 

Achar que toda dor de cabeça é problema de visão. A menor parte das dores de cabeça tem alguma relação com a visão, e em geral são leves.