Programação do Setembro Amarelo é aberta oficialmente no TJMA

Sentido da vida e saúde mental foi tema de palestra no Centro Administrativo

15/09/2022
Amanda Campos

“Sentido da vida e saúde mental” foi tema de palestra promovida pelo Tribunal de Justiça do Maranhão (TJMA), nesta quinta-feira (15), no auditório do Centro Administrativo (Rua do Egito, Centro).

A atividade abriu oficialmente a programação do projeto Bem-Estar no Judiciário, etapa Setembro Amarelo, que acontece até o dia 26 de setembro. 

A ação é promovida pela Diretoria de Recursos Humanos do TJMA, por meio da Coordenadoria de Serviços Médico, Odontológico e Psicossocial.

Na abertura da palestra, o presidente do TJMA, desembargador Paulo Velten, ao ressaltar a importância da iniciativa, enfatizou que é fundamental buscarmos o sentido da vida, inclusive no ambiente de trabalho, além de nos aceitarmos e nos superarmos a cada dia, enquanto seres humanos em constante evolução. 

“Essa é a nossa grande condição humana, a capacidade que cada um de nós tem, de nos superar todos os dias. O ser humano nunca está pronto, está sempre crescendo, se aprimorando. Agora, para isso, evidentemente, ele precisa ter vontade. Nós vamos trabalhar muito ainda, neste mês, para buscarmos um ressignificado para a nossa existência, inclusive como servidores públicos, afinal, temos uma missão com a sociedade, pontuou”.

Na oportunidade, o presidente do TJMA, desembargador Paulo Velten, parabenizou a equipe da Diretoria de Recursos Humanos, por promover uma programação especial voltada para o Setembro Amarelo.

A diretora de Recursos Humanos do TJMA, Milena Oliveira, explica que o intuito da iniciativa é promover ações educativas e assistenciais em saúde multidisciplinar, voltadas para a promoção da qualidade de vida e bem-estar de magistrados(as), servidores(as) e colaboradores(as), além de prevenir e conscientizar sobre a importância do combate e prevenção ao suicídio. “Nosso objetivo é conscientizar servidores e servidoras, dizer que estamos atentos a essa realidade da vida, e que eles podem contar com todo o nosso apoio e escuta ativa”, disse.

Foto colorida de pessoas sentadas durante palestra no auditório.

PALESTRA SENTIDO DA VIDA E SAÚDE MENTAL

Durante a palestra “Sentido da vida e saúde mental”, a psiquiatra da Divisão Médica do TJMA, Talita Serra, destacou que a discussão acerca da temática deve ser feita durante todo o ano e não somente durante este mês de setembro.

Talita Serra chamou a atenção do público sobre sinais de alerta que devem chamar a atenção de familiares e amigos(as) em relação a pessoas em estado de sofrimento e com pensamentos suicidas, tais como: mudanças de comportamento, alterações de humor, tendência a isolamento, dentre outros. 

Foto colorida da psiquiatra Talita Serra falando ao microfone durante a palestra ao público.

Dentre as causas citadas pela médica, estão a perda de entes queridos, dificuldades financeiras e doenças graves. Talita Serra também falou sobre fatores de risco, tais como: tentativa recente de suicídio, doenças mentais não tratadas, doenças crônicas e uso excessivo de bebidas alcoólicas. 

A psiquiatra Talita Serra abordou, ainda, sobre a temática suicídio e adolescência, já que os maiores índices registrados estão entre os jovens. “É importante mostrarmos para os adolescentes que as questões existenciais, como o sofrimento e a ausência de sentido da vida, fazem parte de nossas vidas. É fundamental desenvolvermos mecanismos de enfrentamento para lidarmos com essas situações”, frisou. 

Durante a programação, a psicóloga do TJMA, Tatiana Carvalho, abordou sobre a temática “Suicídio: fatores de proteção”, e sua importância para o combate e enfrentamento desse problema de saúde pública. 

Foto colorida da psicóloga Tatiana Carvalho falando ao microfone durante a palestra ao público.

Em sua explanação, Tatiana Carvalho tratou sobre fatores de proteção individuais (confiança em si mesmo, habilidade para se comunicar, crenças religiosas); familiares (boa qualidade de vida, bom relacionamento com familiares); além de sociais/comunitários (escolas e ambientes de trabalho que ofereçam suporte em adversidades, rede social que oferece apoio prático e emocional). 

Dentre os fatores de proteção, Tatiana Carvalho enfatizou o sentido da vida. “É preciso conduzir as pessoas sob risco para um pensamento orientado pelo sentido, e despertar nelas atitudes firmes que possam ser confiáveis também em épocas de aflição e crises”, frisou. 

A psicóloga destacou que o sentido é encontrado na vida quando realizamos valores. “Encontramos sentido na vida em nossa ação criadora, quando enriquecemos o mundo com nossa atividade, em nossa doação a uma tarefa criativa”. 

BEM-ESTAR NO JUDICIÁRIO

Os atendimentos do projeto Bem-Estar no Judiciário serão feitos no prédio-sede do TJMA; Centro Administrativo do TJMA (Rua do Egito), na Divisão Psicossocial e no auditório; no Centro Administrativo (Alemanha); na Corregedoria Geral de Justiça; no Fórum Desembargador Sarney Costa, na Divisão Médica-Odontológica e no auditório; além das comarcas de Passagem Franca, Mirador e Paraibano.

De acordo com o projeto, serão oferecidos diversos serviços, tais como: consulta com nutricionista; massagem relaxante com fisioterapeutas e terapeutas ocupacionais; auriculoterapia com terapeuta ocupacional; palestra; rodas de conversa (com nutricionista e psicólogo); campanha de vacinação, dentre outros. 

 

Confira o álbum de fotos no Flickr do TJMA:

 

Palestra Sentido da Vida e Saúde Mental


Agência TJMA de Notícias
asscom@tjma.jus.br
(98) 3198-4374



 

GALERIA DE FOTOS