Vara de Interdição, Sucessão e Alvará presta atendimento por assistente virtual

REMOTO
22/03/2021
Helena Barbosa

 A Vara de Interdição, Sucessão e Alvará de São Luís está atendendo às solicitações de informações, consulta e atos processuais por meio de assistente virtual, nas comunicações com partes, advogados e advogadas, nos casos possíveis de atendimento eletrônico ou não. O serviço funciona 24 horas, pelo  *whatsapp business - número (98) 3194-5611* e por meio do link: https://forms.gle/j1S2VbZqnqAWFGdK9.

A solicitação é encaminhada, automaticamente, conforme a opção pelo assunto informado: pauta de audiências; canal de acesso para videoconferência, andamento processual, dentre outros serviços oferecidos pela vara. Quando a parte envia uma mensagem para o whatsapp da unidade e faz a opção conforme o tipo de serviço requerido, a solicitação vai direto para o assistente virtual. Para ser atendido, é necessário dar entrada em informações como nome, número do processo e telefone de contato.
 
A ferramenta pode ser utilizada nos casos de informações sobre pauta de audiência, solicitação de videoconferência, pagamento de selos para emissão de certidões e alvarás; documentos para ação de interdição e agendamento de alvarás, carta de adjudicação, forma de partilha; termo definitivo de curatela; inventário junto aos cartórios, dentre outros. No assistente, é explicado o passo a passo de como a pessoa deve proceder, em cada caso.
 
Além de orientar como proceder nas solicitações, o assistente também informa os meios de contatos eletrônicos com a unidade, caso a parte interessada deseje falar com um funcionário da unidade, e envio de elogios, sugestões ou reclamações.

 


Para realizar o atendimento virtual, a equipe da vara instalou a ferramenta whatsapp business, que recebe e direciona as solicitações, que vão para uma planilha de controle, organizada por data e horário. O encaminhamento das solicitações é feito conforme a ordem de chegada registrada na planilha. Para a secretária judicial da Vara de Interdição, Sucessão e Alvarás, Márcia Cerqueira de Farias, a utilização do assistente virtual facilitou, e muito, a comunicação da unidade com os usuários.

“O mais importante, para os advogados, é que eles não precisam mandar e-mail nem mensagem de texto para a secretaria. Só precisa acessar o link do assistente e fazer o pedido por lá mesmo, que ele chega para a equipe”, explica, acrescentando que os pedidos de andamento processual são a maioria das solicitações feitas à unidade.
 
O assistente virtual foi implantado por iniciativa dos servidores da vara, com o apoio da Vara de Interesses Difusos e Coletivos da Ilha, que primeiro utilizou essa ferramenta no atendimento ao público, nesses moldes. Essa solução passou a integrar o ToadaLab - Laboratório de Inovação do Poder Judiciário do Maranhão, que reúne inovações tecnológicas nos serviços judiciários maranhenses.
 
PROVIMENTO

Em outubro de 2020, a Corregedoria Geral da Justiça do Maranhão (Provimento 53/2020) autorizou as secretarias judiciais das unidades da Justiça de Primeiro Grau a realizarem o atendimento remoto, por meio de videoconferência, telefone ou por qualquer outro meio de comunicação, aos advogados, procuradores, defensores públicos, membros do Ministério Público e da Polícia Judiciária, bem como das partes no exercício do seu direito de peticionar, no período da pandemia de Covid-19. E com o agravamento da crise sanitária, as unidades lançaram mão dos assistentes virtuais para aumentar as opções de comunicação com as partes durante o período de suspensão do atendimento presencial nas unidades judiciárias, em todo o Estado.
 
Assessoria de Comunicação
Corregedoria Geral da Justiça
asscom_cgj@tjma.jus.br
asscomcgj@gmail.com

GALERIA DE FOTOS

Corregedoria

ÚLTIMAS NOTÍCIAS ver mais


NOTÍCIAS RELACIONADAS