Portal do Poder Judiciário do Estado do Maranhão

BG Comunicados
Clique para fechar

AVALIAÇÃO ANUAL DE SAÚDE

A Divisão Médica do Tribunal de Justiça do Maranhão (TJMA), informa aos magistrados e servidores do Poder Judiciário, que o prazo para a Avaliação Anual de Saúde 2019 de magistrados e servidores finalizou no dia 31/12/2019. Não havendo prorrogação. As avaliações de 2020 serão realizadas de acordo com o mês de aniversário. Estando aberto o Sistema SALUS a partir de 07.01.2020 para envio das Avaliações, podendo ser utilizados os exames de 2019, desde que não excedam 180 (cento e oitenta) dias da sua realização. A participação de magistrados e servidores é fundamental para um avanço, ainda maior, do programa de prevenção de doenças e controle dos afastamentos desenvolvido por este Poder Judiciário, que visa, sobretudo, o bem-estar dos magistrados e servidores.  

Busca ▼
O desembargador Joaquim Figueiredo disse que o uso de veículo é limitado pelo interesse público (Foto: Ribamar Pinheiro)

O desembargador Joaquim Figueiredo disse que o uso de veículo é limitado pelo interesse público (Foto: Ribamar Pinheiro)

INSTITUCIONAL | Desembargador Joaquim Figueiredo não admitirá uso irregular de veículo oficial

20
NOV
2019

08:20

O presidente do Tribunal de Justiça do Maranhão, desembargador Joaquim Figueiredo, afirmou que a Instituição vai instaurar sindicância administrativa para apurar a denúncia de que veículos pertencentes ao Poder Judiciário estejam sendo utilizados irregularmente para fins particulares.

A denúncia sobre a violação de regras quanto ao uso indevido de veículos oficiais do Tribunal de Justiça do Maranhão foi feita por um ouvinte no programa radiofônico ´Panorama’, na Rádio Mirante AM, apresentado pelo radialista Jorge Aragão. A comprovação da suposta irregularidade implicará em punição administrativa.

“Por lei e por regra interna do Tribunal de Justiça do Maranhão, o veículo oficial deve ser usado exclusivamente para atender às demandas do Poder Judiciário, sempre limitado pelo interesse público, sob pena de rigorosa punição”, afirmou o desembargador Joaquim Figueiredo.

Para tanto, o Tribunal de Justiça do Maranhão solicita que a denúncia seja protocolada, informando a data, o local, o horário e a respectiva placa do veículo oficial flagrado circulando fora do horário permitido, para que sejam adotadas as medidas disciplinares administrativas cabíveis decorrentes da apuração.

 

Comunicação Social do TJMA
asscom@tjma.jus.br
(98) 3198.4370

Para acompanhar as notícias do Poder Judiciário, siga o nosso Twitter e curta nossa página no Facebook.

aspas É permitida a reprodução do conteúdo publicado neste espaço, desde que citada a fonte.aspas2