Portal do Poder Judiciário do Estado do Maranhão

BG Comunicados
Clique para fechar

Atendimento ao público suspenso na Unidade de Monitoramento Carcerário do Tribunal de Justiça (UMF/TJMA)

A Unidade de Monitoramento Carcerário (UMF/TJMA) informa que está suspenso o atendimento ao público até o dia 21 de setembro. O motivo é a reforma predial que está ocorrendo na sede da UMF/TJMA localizada na Rua do Egito, nº 351, Centro, São Luís.

Busca ▼
Nas oficinas, os pais são sensibilizados acerca da importância do acompanhamento responsável de seus filhos (Foto: CNJ)

Nas oficinas, os pais são sensibilizados acerca da importância do acompanhamento responsável de seus filhos (Foto: CNJ)

FAMÍLIA | Oficina de Parentalidade promovida pelo Judiciário reúne mais de 50 famílias

16
ABR
2018

11:04

Mais de 50 famílias envolvidas em conflitos jurídicos relacionados à ruptura do vínculo conjugal – divórcio, dissolução de união estável, guarda, regulamentação de visitas – participaram da terceira edição do projeto “Oficina de Parentalidade”, promovida pelo Núcleo de Solução de Conflitos do Tribunal de Justiça do Maranhão, na Fundação da Cidadania e Justiça.

A iniciativa – organizada em parceria com o Centro de Conciliação e Mediação de Família do Fórum de São Luís, coordenado pela juíza Joseane Bezerra – visa oferecer ajuda e orientação aos casais na solução de questões familiares, transformando-os em protagonistas de suas vidas, assumindo a responsabilidade por seus filhos.

“Os pais precisam compreender que, mesmo após a separação, os vínculos parentais são eternos, por conta dos filhos. E nada deve ser mais importante do que a felicidade deles. Daí, a importância da prática constante do diálogo, do amor e do perdão, deixando para trás sentimentos, como a raiva e o rancor, que tanto prejudicam as crianças e os adolescentes, após todo esse processo”, pontuou a juíza Joseane Bezerra, titular da 3ª Vara da Família.

De acordo com a equipe do Núcleo de Conciliação do TJMA, a ideia não é apenas atender aqueles que procuraram o apoio do Judiciário ou outro órgão do sistema de justiça. O objetivo é promover uma busca ativa para disponibilizar, em favor dos vulneráveis, a oportunidade de ter contato com um método facilitador do relacionamento conflituoso.

Durante as atividades desenvolvidas nas oficinas, os pais são sensibilizados acerca da importância do acompanhamento responsável de seus filhos, após a dissolução da vivência em par, e incentivados a resolver suas questões sempre por meio do diálogo.

ATIVIDADES - As diversas atividades (dinâmicas, bate-papo, filmes, músicas, desenhos, lanches) realizadas com os pais, as crianças e adolescentes, foram coordenadas por servidores do Núcleo de Conciliação do TJMA, Centro de Conciliação e Mediação de Família, 1º e 2º Centros de Solução de Conflitos e Telejudiciário. O projeto conta com o apoio de servidores da Defensoria Pública do Estado.

Na programação, variados temas são debatidos com os participantes, tais como os diferentes tipos de família; o processo de divórcio; a importância da família, do diálogo, do perdão e de uma convivência harmoniosa; os estágios psicológicos pelos quais as pessoas passam durante um processo de separação, os estágios pelos quais passam os filhos; as respostas típicas e as mudanças no comportamento dos menores ao fim da união dos pais, dentre outros. As famílias participantes foram indicadas pelas Varas da Família de São Luís, onde possuem processo judicial em andamento.

CENTRO - O Centro de Conciliação e Mediação de Família, instalado no 4° andar do Fórum Desembargador Sarney Costa, atende às demandas das sete varas de família, por meio da realização de audiências de mediação e conciliação, pondo fim a ações judiciais em trâmite, e ainda evita a formalização de futuros processos (quando as partes, antes de recorrerem à Justiça, buscam o Centro para resolver suas pendências). Para agendar uma sessão no Centro, basta entrar em contato com o Telejudiciário, pelo 0800-7071581, ou dirigir-se ao local.

OFICINAS - As Oficinas de Parentalidade são baseadas nas Oficinas de Pais e Mães, do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), que visam auxiliar as famílias em situação de divórcio, que enfrentam conflitos relacionados à ruptura do vínculo conjugal, a construírem uma relação saudável junto aos filhos.

Amanda Campos

Assessoria de Comunicação do TJMA

asscom@tjma.jus.br

(98) 3198.4300
 

Para acompanhar as notícias do Poder Judiciário, siga o nosso Twitter e curta nossa página no Facebook.

aspas É permitida a reprodução do conteúdo publicado neste espaço, desde que citada a fonte.aspas2