Alto Alegre do Maranhão recebe projeto Conciliação Itinerante

O evento também acontecerá nas comarcas de São João do Sóter e Codó nesta semana
20/09/2021
Amanda Campos

A primeira edição de 2021 do projeto Conciliação Itinerante, do Tribunal de Justiça do Maranhão (TJMA), começou nesta segunda-feira (20), na comarca de Alto Alegre do Maranhão. 

Até esta terça-feira (21), cidadãos e cidadãs poderão solucionar questões processuais (com ação judicial) e pré-processuais (sem ação judicial), de forma rápida, simples e descentralizada, na Praça Lindalva Marão, Rua do Comércio, Centro, das 8h às 17h. 

O evento – que acontecerá até sexta-feira, nas comarcas de São João do Sóter (22/9) e Codó (23 e 24/9) - é promovido pelo Núcleo Permanente de Métodos Consensuais de Solução de Conflitos (Nupemec/TJMA) - presidido pelo desembargador José Luiz Almeida e coordenado pelo juiz Alexandre Abreu – em parceria com a Defensoria Pública do Estado (DPE/MA).

O presidente do Nupemec do TJMA, desembargador José Luiz Almeida, ressalta o alcance social do projeto, com vistas à pacificação dos conflitos. “Queremos estimular a cultura do diálogo, da conciliação e da pacificação social, pois este é, sem dúvidas, o melhor caminho para a resolução dos conflitos. Será um grande evento em benefício da população maranhense”, pontuou. 

DEMANDAS

Na oportunidade, a população poderá resolver demandas processuais (com ação judicial) e pré-processuais (sem ação judicial), de natureza cível ou de família, tais como: divórcio, pensão alimentícia, coleta de material para exame de DNA, renegociação de dívidas, guarda de filhos, divisão de bens, problemas de vizinhança, acesso a plataformas digitais de conciliação, dentre outras.

Conciliação Itinerante - Alto Alegre do MA

PARCERIA

O projeto Conciliação Itinerante é promovido pelo Tribunal de Justiça em parceria com a Defensoria Pública do Estado (DPE/MA).

MEDIDAS PREVENTIVAS

Durante o evento, todas as medidas preventivas em relação à Covid-19 serão respeitadas, como o uso de álcool em gel, máscaras e o distanciamento social.

COMO PARTICIPAR

Para participar de uma sessão de conciliação durante o projeto, o cidadão ou cidadã deve comparecer com documentos pessoais (comprovante de residência, RG, CPF, certidão de nascimento – em caso de menor) e comprobatórios da demanda (faturas, registro de imóvel e outros, a depender de cada caso).

A equipe coordenadora informa que, caso as partes envolvidas já estejam predispostas a participar da sessão de conciliação, poderão se apresentar, sem agendamento prévio, no dia do evento, para dialogarem e tentarem um acordo.

LOCAIS DE ATENDIMENTO

Alto Alegre do Maranhão – dias 20 e 21/9, na Praça Lindalva Marão, Rua do Comércio, Centro, das 8h às 17h. 

São João do Sóter – dia 22/9, na Praça Eugênia Campos, atrás da Prefeitura, das 8h às 17h. 

Codó – dias 23 e 24/9, no Salão do Júri do Fórum, na Rua João Ribeiro, 3132, São Sebastião, das 8h às 17h. 

PLATAFORMA

Durante o projeto, o coordenador do Nupemec, juiz Alexandre Abreu, informa que o TJMA também irá oferecer serviços de acesso e orientação de uso da plataforma consumidor.gov.br, que hoje conta com a adesão de mais de 880 empresas, para a solução de conflitos, por meio digital.

MAIS INFORMAÇÕES

Para mais informações: Telejudiciário (98) 3194.5555; 0800-7071581; e-mail conciliar@tjma.jus.br; (98) 3198.4558 (WhatsApp Business).


 
Agência TJMA de Notícias
asscom@tjma.jus.br
(98) 3198.4300

GALERIA DE FOTOS