Estreito e Passagem Franca realizam julgamentos nesta quarta-feira (1º)

30/11/2021
Michael Mesquita

As comarcas de Estreito e Passagem Franca realizam nesta quarta-feira, dia 1º de dezembro, sessões do Tribunal do Júri, a serem presididas pelo juiz Bruno Nayro e pela juíza Verônica Calmon, respectivamente. Em Estreito, o júri será realizado pela 1ª Vara e trará como réu o homem Paulo César da Silva Martins, acusado de participar do homicídio de Bartolomeu Pereira da Silva e da tentativa de homicídio que teve como vítima Angelina Pereira da Silva, crimes ocorridos em 5 de julho de 2011. A sessão de julgamento será na Cãmara de Vereadores.

Narra a denúncia que Paulo Sérgio, junto com mais três pessoas, identificadas como sendo Jonas, Natálio e Gardênia, estava bebendo no local denominado ‘Snoock Bar’, em uma mesa ao lado das vítimas. Em dado momento, Jonas, ex-namorado de Angelina, ligou duas vezes para ela, fato que teria irritado Bartolomeu Pereira, que levantou-se e foi até a mesa dos denunciados. Os dois homens discutiram e Bartolomeu pediu para que Jonas parasse de ligar. Angelina e Bartolomeu, então, saíram do bar, em uma motocicleta. Inconformados com o acontecido, os denunciados seguiram em perseguição a Bartolomeu, todos de motocicleta também.

Na altura do Posto Minas, eles alcançaram o casal, momento em que disseram a Bartolomeu que pedisse desculpas a Jonas, o que não ocorreu. Ato contínuo, Bartolomeu passou a ser agredido a socos e pontapés, desferidos pelos denunciados Natálio e Paulo Sérgio. Após o fato, Paulo Sérgio e Jonas decidiram por matar Bartolomeu, temendo represálias. Os homens pegaram um revólver e foram novamente atrás de Bartolomeu. Às margens da BR, eles avistaram a vítima e dispararam duas vezes, levando-a a óbito. Depois, Jonas e Gardênia levaram Angelina até um matagal e tentaram matá-la com uma lâmina, mas ela, mesmo ferida, conseguiu fugir.

TENTATIVA DE FEMINICÍDIO

Em Passagem Franca, o réu será Tiago Viana Silva, acusado de tentativa de feminicídio que teve como vítima B. C., sua companheira de apenas 14 anos de idade. Narra a denúncia que, em 16 de setembro de 2014, na Rua do Matadouro, o denunciado atingiu a vítima com golpes de faca. Ela era companheira de Tiago e estava grávida. Na data e local mencionados, Tiago e a vítima estavam discutindo pelo fato de que ele não gostava que a mulher frequentasse a casa da avó dela. 

Ele armou-se com uma faca e atingiu a mulher por algumas vezes. Tiago não consumou o feminicídio porque foi impedido por um senhor conhecido como ‘Pain’, que chegou, segurou Tiago e tomou-lhe a faca. A sessão em Passagem Franca será realizada no Salão do Júri do fórum.


Assessoria de Comunicação
Corregedoria Geral da Justiça
asscom_cgj@tjma.jus.br

GALERIA DE FOTOS

Corregedoria

ÚLTIMAS NOTÍCIAS ver mais


NOTÍCIAS RELACIONADAS