Portal do Poder Judiciário do Estado do Maranhão

BG Comunicados
Busca ▼
O desembargador José Luiz Almeida falou aos participantes sobre a implantação de uma cultura de paz na sociedade

O desembargador José Luiz Almeida falou aos participantes sobre a implantação de uma cultura de paz na sociedade

Iniciada nova turma do curso para formação de conciliadores

07
JUL
2015

10:20

A Escola Superior da Magistratura do Maranhão (ESMAM) iniciou, nesta segunda-feira (6), mais uma turma do curso de formação de conciliadores. Na abertura, o presidente do Núcleo de Conciliação do Tribunal de Justiça, desembargador José Luiz Almeida falou aos servidores sobre a importância de se implantar na sociedade a “cultura de paz” na resolução de conflitos, judiciais ou não.

“Precisamos sedimentar na sociedade a cultura de que é possível resolver os problemas de forma mais civilizada, sentando numa mesa e tentando chegar a um ponto comum”, disse.

A formação está entre as mais procuradas pelo público da ESMAM, sempre com inscrições que excedem o número de vagas, motivando a Divisão de Treinamento e Aperfeiçoamento a organizar novas turmas.

O curso é ministrado pelos instrutores internos Washington Souza Coelho e Maria Isalete dos Santos Barreto, com duração de 30 horas.

Entre os temas abordados estão: “Introdução aos Meios Alternativos de Solução de Conflitos”; “Comunicação e Conflito”; “Teoria da Comunicação”; “Teoria Geral do Conflito”; “Métodos Alternativos de Solução de Conflitos (MASCs)” e “Enfoque normativo e ético da conciliação e suas aplicações no Poder Judiciário”, a partir dos princípios dispostos na resolução 125/2010 do CNJ.

No Maranhão, os centros de conciliação promovem sessões e audiências de  mediação nas áreas cível, fazendária, previdenciária, de família ou dos juizados especiais cíveis, criminais e da Fazenda Pública.

No total, 17 unidades atendem os interessados negociar conflitos, sejam judiciais ou não. São sete em São Luís: no Fórum Desembargador Sarney Costa, Uniceuma I e II (Renascença e Cohama), no Centro (Rua do Egito), FACAM e UNDB, além de um específico para a classe empresarial na sede da FIEMA (Cohama). No interior, são 10: em Imperatriz (3), Caxias (2), Bacabal (2), Balsas (1), Chapadinha (1) e Timon (1).

 

 

Assessoria de Comunicação do TJMA

(asscom@tjma.jus.br)

www.tjma.jus.br

(98) 3235 3231 (ESMAM)

Nossas redes sociais:

Facebook: facebook.com/tribunal.maranhao

Twitter: @TJ_MA

Flickr: flickr.com/tjma_oficial

Instagram: @tjmaoficial

 

 

aspas É permitida a reprodução do conteúdo publicado neste espaço, desde que citada a fonte.aspas2