Portal do Poder Judiciário do Estado do Maranhão

BG Comunicados
Busca ▼
Ativista Bárbara Penna (esquerda) foi convidada para dar seu depoimento sobre a violência que sofreu

Ativista Bárbara Penna (esquerda) foi convidada para dar seu depoimento sobre a violência que sofreu

COPA DO MUNDO | Campanha “O Respeito à Mulher Vale Ouro” chama atenção da sociedade contra a violência de gênero

14
JUN
2018

09:58

Foi lançada nesta quarta-feira (13), na Casa da Mulher Brasileira (Jaracati), a campanha “O Respeito à Mulher Vale Ouro”, promovida pelo Poder Judiciário estadual - por meio das Varas Especiais de Combate à Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher - e Casa da Mulher Brasileira, com o apoio da Procuradoria da Mulher, Coordenadoria Estadual da Mulher (CEMULHER/TJMA) e diversas instituições e estabelecimentos parceiros. A Abertura foi feita pela juíza Lúcia Helena Barros Heluy, titular da 2ª Vara da Mulher, com a presença de representantes de bares, hotéis e restaurantes de São Luís. Também participaram da abertura os juízes Marcelo Moreira (diretor da CGJ), Francisca Galiza (auxiliar da CGJ), Ângelo Santos (presidente da Associação dos Magistrados do Maranhão), Rosária de Fátima (1ª Vara da Mulher), Diva Maria de Barros Mendes (diretora do Fórum de São Luís), Samira Barros Heluy e Vanessa Clementino (auxiliares da capital), a diretora da Casa da Mulher Brasileira, Susan Lucena, entre outras autoridades.

Segundo a magistrada, o objetivo da campanha é conclamar a sociedade para unir forças no enfrentamento à violência contra as mulheres, chamando atenção durante o período de realização da Copa do Mundo. Ela ressaltou dados do Atlas da Violência 2018, no qual o Maranhão se destaca em segundo lugar entre os estados com maior índice de violência contra as mulheres, estatísticas que continuam crescendo e exigem políticas cada vez mais efetivas de enfrentamento. “O objetivo é alertar as mulheres sobre a importância de denunciar pelo 180, e que existe uma rede de proteção integrada na Casa da Mulher Brasileira, com equipe preparada para prestar esse atendimento”, frisou.

A convite da organização do evento, a ativista Bárbara Penna participou da abertura, relatando sua história enquanto vítima da violência de gênero. A jovem de 24 anos foi seriamente agredida por seu ex-companheiro, que assassinou os dois filhos do casal e incendiou o corpo da companheira, em Porto Alegre, no ano de 2013. Ela teve 40% do corpo queimado e foi arremessada do prédio onde morava. “Tudo aconteceu porque eu não aceitei reatar o relacionamento com meu ex-namorado. Eu acordei sendo agredida, ele tentou quebrar meu pescoço, quebrou meu nariz, me deu socos e chutes e eu desmaiei, quando acordei estava sendo queimada viva. Tentei pedir ajuda, acreditando que nada aconteceria aos meus filhos, mas ele me arremessou do terceiro andar”, disse a mulher em seu depoimento.

A jovem passou a atuar na defesa dos direitos das mulheres e contra o silêncio, atuando como ativista e encorajando as mulheres a não se calarem diante de situações de violência. “A vida dessas mulheres só vai mudar quando elas tomarem uma atitude, então o ponto principal é a mulher se autoavaliar, pensar em si e nos seus filhos, porque não é somente a mulher que sofre”, opinou.

Também presente à abertura da campanha, a coronel da Polícia Militar e comandante da Patrulha Maria da Penha, Maria Augusta Ribeiro, parabenizou a iniciativa e ressaltou o papel de cada um no enfrentamento do problema da violência contra as mulheres.

A Campanha “O Respeito à Mulher Vale Ouro” vai levar ações de conscientização à população até a próxima quarta-feira (20), percorrendo os principais eventos e arraiais, como o Arraial da Assembleia Legislativa (dia 14), Arraial da AMMA (15), Arraial da Vila Dom Luís e da Maria Aragão (16), Arraial do Ipem (17), Arrial CAPS AD e Arraial do Turu (20).

 

Assessoria de Comunicação

Corregedoria Geral da Justiça 

asscom_cgj@tjma.jus.br

(98) 3198-4370

Para acompanhar as notícias do Poder Judiciário, curta nossa página no Facebook.

aspas É permitida a reprodução do conteúdo publicado neste espaço, desde que citada a fonte.aspas2