Portal do Poder Judiciário do Estado do Maranhão

BG Comunicados
Clique para fechar

São Pedro da Água Branca está com expediente suspenso

O Fórum da Comarca de São Pedro da Água Branca está com o expediente suspenso nos dias 22 e 25 de fevereiro. O motivo, conforme Portaria expedida pelo juiz Rafael de Souza Leite, é a falta de água no prédio. De acordo com a CAEMA, o abastecimento somente será normalizado na próxima semana, mais precisamente na segunda-feira, mas não informou o horário. Os prazos estão, igualmente, suspensos.  

Clique para fechar

DIVISÃO DE TRANSPORTE DA CORREGEDORIA ESTÁ SEM TELEFONE

A Divisão de Transportes da Corregedoria Geral da Justiça está com problemas de telefonia. Enquanto a questão não é solucionada, a comunicação com o setor pode ser feita através do e-mail transporte_cgj@tjma.jus.br.  

Busca ▼
Juiz José dos Santos Costa proferiu palestra para universitários.

Juiz José dos Santos Costa proferiu palestra para universitários.

INFÂNCIA E JUVENTUDE | Juiz realiza palestra sobre Justiça Restaurativa para universitários

10
MAI
2018

10:29

O Juiz da 2ª Vara da Infância e da Juventude da comarca da Ilha de São Luís, José dos Santos Costa e a coordenadora do Núcleo de Justiça Restaurativa do Centro Integrado de Justiça Juvenil, Angela Helena Rodrigues, participaram no dia 17 de abril, de Ciclo de Palestras do Escritório-Escola das Unidades Renascença e Cohama da Universidade Ceuma, que tratou sobre Justiça Restaurativa. A palestra contou com a participação dos professores Thiago Alisson (Curso de Direito) e Érica Vanessa Ramos Costa (Curso de Serviço Social), que funcionaram como moderadores, e com a presença de cerca de 150 estudantes dos cursos de Direito e Serviço Social.

Na palestra, o juiz falou sobre a diferença entre justiça criminal e justiça restaurativa; conceito; pilares; princípios e marco legal da Justiça Restaurativa. Ele destacou que a justiça restaurativa é uma alternativa negociada de solução de conflitos em crimes e atos infracionais com a participação da vítima, ofensor, seus familiares e representantes da comunidade, objetivando a reparação de danos e de relacionamentos, entendendo o crime ou ato infracional como violação de pessoas e de relacionamento.

A assistente social Angela Helena discorreu sobre a criação, funcionamento e metologias usadas pelo Núcleo de Justiça Restaurativa do Centro Integrado de Justiça Juvenil de São Luís, localizado na rua das Cajazeiras (Anel Viário).

Os facilitadores do Núcleo são servidores de órgãos do Centro Integrado (2.ª Vara, Promotoria de Justiça e FUNAC) e da Secretaria Municipal da Criança e da Assistência Social (SEMCAS), devidamente capacitados como facilitadores de práticas restaurativas.

 

Assessoria de Comunicação

Corregedoria Geral da Justiça do Maranhão

asscom_cgj@tjma.jus.br

www.facebook.com/cgjma

Para acompanhar as notícias do Poder Judiciário, siga o nosso Twitter e curta nossa página no Facebook.

aspas É permitida a reprodução do conteúdo publicado neste espaço, desde que citada a fonte.aspas2