Portal do Poder Judiciário do Estado do Maranhão

BG Comunicados
Clique para fechar

PINHEIRO | Fórum está sem internet desde terça-feira, 18

O Fórum da Comarca de Pinheiro está sem internet desde a manhã desta terça-feira (18). Conforme o comunicado, foi aberta uma chamada junto ao Tribunal de Justiça e técnicos da Oi diagnosticaram rompimento de cabo de fibra óptica. Ainda não há previsão para a normalização da internet no fórum pinheirense. Sem internet, os trabalhos ficam comprometidos pois não há possibilidade de utilização dos sistemas do Judiciário, a exemplo do Themis PG, de movimentação processual, e Digidoc, de movimentação de documentos internos. As atividades não foram suspensas no fórum e o atendimento está sendo manual. A Comarca de Pinheiro é de Entrância Intermediária e pertence ao Polo de Pinheiro. O fórum possui duas varas e um Juizado Especial Cível e Criminal. Os termos judiciários da comarca são os municípios de Pedro do Rosário e Presidente Sarney.   Michael Mesquita Assessoria de Comunicação Corregedoria Geral da Justiça do Maranhão asscom_cgj@tjma.jus.br www.facebook.com/cgjma 

Busca ▼
Tela de Clara Vidotti em exposição no Fórum de São Luís.

Tela de Clara Vidotti em exposição no Fórum de São Luís.

A arte de Clara Vidotti em exposição no Fórum de São Luís

06
SET
2017

08:55

Em cartaz até o dia 15 deste mês, na galeria de arte do Fórum de São Luís, a exposição “Múltiplas Faces”, de Clara Vidotti. São desenhos e pinturas que podem ser vistas pelo público de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h. A Galeria Celso Antônio de Menezes no hall do Fórum Des. Sarney Costa (Calhau).

Apaixonada pelo desenho desde cedo, incentivada e apoiada pelo pai, o também artista plástico Fábio Vidotti, ela conta que aprendeu espontaneamente, mexendo nas tintas e nos materiais do pai. “No começo eu queria apenas saber fazer algo que ele fazia também, mas depois fui descobrindo o que eu realmente desejava fazer; algo que vem de dentro de mim, que queima, me deixa inquieta e eu sinto que preciso pôr para fora; é uma necessidade”, afirma Clara Vidotti.

Para a maranhense de 25 anos, estudante de Artes Visuais na Universidade Estadual do Maranhão (UEMA), desenhar é como uma libertação física para o imaginário. “Desenho as pessoas que estão à minha volta, que observo no meu cotidiano. Estou sempre observando como sorriem, como são angustiadas e como se portam. Na correria do dia a dia, elas se tornam cada vez mais mecanizadas e inexpressivas; então gosto de ver o traço que ainda tem de humanidade nelas”, acrescentou.

A universitária traz na bagagem mais de 10 exposições artísticas, sendo cinco individuais, além de ter participado de vários concursos na área. A primeira exposição que dividiu com o pai foi em 2012, na Galeria Trapiche, no Centro Histórico de São Luís, comemorando os 30 anos de arte do pai, a segunda foi julho do ano passado, na galeria de arte do Fórum Des. Sarney Costa.

Foi premiada em concurso nacional promovido pela Alcoa/Alumar e teve seu desenho estampado em cartões de Natal, traduzidos em três idiomas. Além dos prêmios, participou de várias coletâneas, com os irmãos Fábio e Raphael Vidotti.

A artista plástica trabalha principalmente com tinta aquarela e nanquim, fazendo a junção do traço firme e as imprevisíveis nuances da aquarela. Exprime emoções e sensações através das cores translúcidas ou chapadas da tinta ou monocromático do nanquim.

Entre os nomes que são para ela referência na história da arte, Clara Vidotti cita Van Gogh. “É o artista que mais mexeu comigo e o que mais me fez pensar no que eu queria fazer e em como eu queria fazer. Nunca gostei da busca pelo realismo ou pela perfeição; prefiro trabalhar mais livremente com as cores e com a mistura do imaginário, do inconsciente, dos meus delírios”, enfatizou.

 

Núcleo de Comunicação do Fórum Des. Sarney Costa.

Para acompanhar as notícias do Poder Judiciário, curta nossa página no Facebook.

aspas É permitida a reprodução do conteúdo publicado neste espaço, desde que citada a fonte.aspas2